Moda

Zsolt comemora seus 10 anos com lançamento da coleção “Gesto Manual”

06 jan 2023 • por Nina Kauffmann • 0 Comentários

Há 10 anos os irmãos Thatiana e Bruno Schott criaram a Zsolt [fala “Zou-ti”], marca que produz uma moda mais consciente e gentil com o planeta, que valoriza os processos manuais, prioriza matérias-primas locais e pensa sua produção de forma integral. Uma marca que cria com as mãos e o coração, fortalecendo sua trajetória de encontro a uma moda cada vez mais responsável e gentil, suas peças são fruto de extensa pesquisa no uso dos tecidos e no tingimento manual.

Acreditando que o que vestimos tem um impacto direto no meio-ambiente e que nossas escolhas são fundamentais para construirmos um futuro positivo para o nosso planeta, em seu aniversário de 10 anos lança uma nova coleção onde manifesta sua identidade manifestada a partir de um Gesto Manual – não por acaso, nome da coleção, que exalta o poder de transformação da matéria-prima através das mãos. 

Do desenho ao corte, dos tingimentos ao toque de quem leva para seu guarda-roupas uma de suas peças, a Zsolt aposta em processo de baixo impacto, técnicas de estamparia manuais e ancestrais e uso de tecidos como linho e algodão, produzidos no Brasil e de origem certificada, baseada no conceito japonês wabi-sabi (“quietude” e “simplicidade”), relacionado às doutrinas do Zen budismo de viver uma vida despojada e desapegada. Peças autorais, resultado de pesquisas de técnicas de estamparia e tingimento artensanais – como o ancestral Tye Dye (Shibori), uma tradição de herança na África Ocidental e no Japão, que consite em amarrar, costurar, dobrar, torcer ou comprimir tecidos das mais variadas formas – resultam em padrões únicos. Cada método é usado para harmonizar com o tecido utilizado e por vezes mesclados para resultados mais elaborados.

Gesto Manual traz peças – femininas, masculinas e “roupas de casa” – com aspecto natural e estampadas manualmente, reforçando seu caráter atemporal e uma alternativa para a falsa necessidade de trocar o guarda-roupa a cada estação: produzir roupas que durem mais. Peças carregadas de significados, algumas com a herança de outras tramas que iriam ser descartadas e se juntam para formar um novo tecido, um novo uso. 

Esta é a nova equação da moda para Zsolt: ação + compromisso x ideias novas – desperdício = futuro positivo para você e para o mundo.

Comente Aqui

Posts Anterior
Próximo Post