• EMPORIO ARMANI Outono Inverno 2019 – Milão Fashion Week por Xico Gonçalves

    “There’s nowhere I’d rather be” serviu de trilha para a águia do Empório Armani abrir no cenário e pousar como...

    Leia mais

  • Bloco do Copa sempre um sucesso

    Pelo terceiro ano consecutivo, a varanda do Belmond Copacabana Palace sediou o badalado evento Bloco do Copa ontem (17/02). Após...

    Leia mais

  • Martu lança coleção de carnaval

    O que deveria ser o lançamento de uma coleção de carnaval se transformou em um evento do calendário do carnaval...

    Leia mais

  • Deborah Secco é coroada Rainha do Camarote Allegria

    A atriz Deborah Secco foi coroada Rainha do Camarote Allegria, que contará com sete dias de festas na Sapucaí, na...

    Leia mais

  • Granado Pharmácias A botica mais tradicional do Brasil

    Fundada em 1870 pelo português José Antônio Coxito Granado, a Granado ficava na Rua Direita, 14/16, no Centro da cidade...

    Leia mais

Indrodução alimentar na criança
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Bem-Estar, Kids

Os primeiros dois anos de vida são caracterizados pelo rápido crescimento e desenvolvimento da criança, tendo a alimentação um papel fundamental para que isso ocorra da forma esperada.
A Organização Mundial da Saúde recomenda que a introdução da alimentação de forma complementar ao aleitamento, seja iniciada a partir dos primeiros seis meses de vida, já que a composição do leite materno não é mais suficiente para suprir todas as necessidades da criança.
Os hábitos alimentares são determinados por fatores culturais, emocionais, psicológicos, socioeconômicos, mas, a principal influência vem da mãe ou do indivíduo mais ativo na alimentação da criança, sendo o âmbito familiar de grande valia para o estabelecimento de hábitos e comportamentos.
As escolhas do responsável da forma e de como será realizada a mudança do aleitamento materno exclusivo para um consumo alimentar, determina, a curto, médio ou longo prazo, atitudes favoráveis ou não em relação ao aporte nutricional da mesma.
Deve-se iniciar sem rigidez de horários, de forma tranquila, sem pressa, respeitando sempre a vontade da criança. Jamais, obrigue-a a comer, sempre encoraje-a a provar diversas cores, sabores, texturas, sem tirar a atenção da refeição, pois é um momento de aprendizado.
Priorize alimentos naturais, orgânicos, cozidos, evitando sempre adição de sal ou açúcar, e/ou, alimentos ultraprocessados e industrializados, quanto mais natural possível, melhor.
A partir do momento em que o desenvolvimento motor permitir ter uma postura ereta e uma motricidade fina para pega dos alimentos, o ideal é a criança experimentar diversas formas de estímulos, como: tátil, olfativa, gustativa, visual para reconhecimento e memorização de cada alimento. Esse método chamado BLW (baby-led weaning, algo como desmame liderado pelo bebê), ganha a cada dia, mais destaque para passar por essa fase, que fica longe de papinhas e colheres. Indo direto ao ponto: trata-se de, no momento em que a criança está pronta pra começar a introdução de alimentos sólidos (por volta dos seis meses), colocá-la à mesa sempre com a família e observar o interesse que demonstra pela comida, deixando-a manipular os alimentos com as próprias mãos, em uma aventura exploratória sem precedentes.
O alimento além de nutrir também forma a base emocional e fortalece a mente. Não dê as crianças alimentos que criam paladares viciantes, como alimentos açucarados, de recompensa emocional que geram ansiedade e angústia. Quebre padrões, reinvente tradições, adapte e dê saúde e fortaleza.
Não ensine errado, para quem pode começar certo!

Isabela Castro
Terapeuta Ayurvédica
Natural Chef

12
dez
2018
BASE apresenta Super Aulão de Fim de Ano
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Bem-Estar

Manhã de animação, exercícios e solidariedade na Lagoa! A BASE, coletivo carioca voltado para o bem-estar e a saúde integrada, vai apresentar o Super Aulão de Fim de Ano, no dia 15 de dezembro. Feito em parceria com o personal fighting Júlio Damasceno, o encontro vai contar com aulas de luta e de dança, treino funcional, DJ e espaço kids. A programação também vai incluir palestra com a nutricionista e coach esportiva Sabrina Theil, além de um delicioso café da manhã saudável. Durante o evento, vão ser retiradas doações de brinquedos novos, cestas básicas e livros para a Casa Raio Dourado, instituição que atende mais de 500 crianças carentes. Gratuito, o aulão vai ser realizado das 8h30 às 11h30, na Lagoa, altura da curva do Calombo (Av. Epitácio Pessoa, 3.100).

Programação do Super Aulão de Fim de Ano:
– Das 8h30 às 10h: Aula de luta e treino funcional com a equipe do professor Júlio Damasceno;
– Das 10h às 10h30h: Café da manhã e palestra “Mitos e verdades sobre alimentação e atividade física”, com a nutricionista e coach esportiva Sabrina Theil;
– Das 10h30 às 11h30: Aula de dança com o professor Bruno França.

Serviço:
Dia: 15 de dezembro de 2018;
Hora: Das 8h30 às 11h30;
Local: Lagoa Rodrigo de Freitas (Av. Epitácio Pessoa, 3.100);
Apoiadores: AcroMuv, Sushinaka, DJ Gustavo Maia e Boulangerie Carioca;
Evento gratuito.

10
dez
2018
Miguel Tepedino assume a Sociedade de Otorrinolaringologia do Estado do Rio de Janeiro
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Bem-Estar
Toma posse, no dia 4 de dezembro, como presidente da Sociedade de Otorrinolaringologia do Estado do Rio de Janeiro, o médico Miguel Tepedino. Com mais de dez anos de experiência e doutorado pela USP, Miguel é atualmente professor adjunto da UERJ e chefe do serviço de otorrinolaringologia da Policlínica de Botafogo. 
 
“Meu foco será na questão científica. Também pretendo trazer pessoas que possam contribuir e agregar na prática diária da otorrinolaringologia e, com isso, trazer benefícios para o paciente, que é o mais importante”, garante Tepedino, que assume a presidência da instituição para o biênio de 2019 a 2020
02
dez
2018