• Arraiá de Nestor Rocha e Liliana Rodriguez

    Um dos casais mais queridos da sociedade carioca , Nestor Rocha e Liliana Rodriguez , receberam amigos neste sábado (14)para...

    Leia mais

  • 3 marcas cariocas de slow fashion que você precisa conhecer Por Paula Bedran

    Ainda existe uma certa confusão sobre o conceito de slow fashion para os não-adeptos a esta prática. Para que fique...

    Leia mais

  • Estampa é um luxo Por Xico Gonçalves

    O luxuoso desfile de Valentino Couture 2019, que aconteceu na semana passada, sinalizou que os estampados continuam em cena. A...

    Leia mais

  • Inverno Felino! Por Renata Bitencourt

    Eterno para uns, duvidoso para outros. Uma coisa é certa, ninguém fica indiferente `a estampa animal. Com o retorno da...

    Leia mais

  • Kryolan inaugura loja conceito no Rio de Janeiro

    A Kryolan inaugurou ontem sua primeira loja conceito no Rio de Janeiro, no BarraShopping, com festa para com convidados. Um...

    Leia mais

Por que consumir alimentos orgânicos? Por Jessica Zarro
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Bem-Estar

Os alimentos orgânicos são aqueles que utilizam, em todos seus processos de produção, técnicas que respeitam o meio ambiente e visam a qualidade do alimento.
São mais saudáveis e saborosos, pois são livres de agrotóxicos, hormônios e outros produtos químicos.
Na agricultura (produção de frutas, legumes e verduras) utilizam-se apenas sistemas naturais para combater pragas e fertilizar o solo. E ainda usam-se sistemas de responsabilidade social, principalmente na valorização da mão de obra.
Na produção de carnes e ovos orgânicos, os animais são criados sem a aplicação de antibióticos, hormônios e anabolizantes. Que quando são consumidos por nós seres humanos por muito tempo, são muito prejudiciais a saúde.
Infelizmente o Brasil é o país que mais usa agrotóxicos no mundo!!!
A única desvantagem dos alimentos orgânicos, é que ainda são muito mais caros do que os alimentos convencionais, já que são produzidos em menos escala e os custos de produção ainda são maiores. Porém com o aumento dessa produção, futuramente os preços ficarão mais baixos .
Enquanto os preços não diminuem, segue uma dica preciosa para diminuir os níveis de agrotóxicos de frutas, legumes e verduras:
A Regra do 5211 :
Colocar os alimentos que serão consumidos num recipiente com 5ml de tintura de iodo 2%, em 1 litro de água potável, e deixar de molho por 1 hora, tampado com um pano e deixar no escuro para não oxidar o iodo.
Espero que ajude 😉

04
jul
2018
Tapioca Engorda? por Jessica Zarro
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Bem-Estar, Gastronomia

A resposta é SIM!!! A farinha de tapioca é um carboidrato simples, assim como a farinha de trigo ( mais comumente utilizada na fabricação de massas e pães) , contendo as mesmas quantidades energéticas. Sua única vantagem é não conter o famoso glúten.
A farinha de tapioca ainda é um alimento pobre em fibras, e o teor de fibras está diretamente ligado a saciedade, além de definir a velocidade que este carboidrato será assimilado.
Quanto mais fibras um alimento tem, por mais tempo o indivíduo se sentirá satisfeito após consumi-lo, além das fibras auxiliarem no funcionamento intestinal.
Logo é um erro grave de quem pretende emagrecer, trocar o pão pela tapioca, e ainda recheá-la com queijos processados, embutidos e chocolate.
A tapioca é um alimento com alto índice e carga glicêmica, que causará picos de insulina, atrapalhando o processo de emagrecimento.
Uma forma de diminuir a carga glicêmica desse alimento é misturá-lo com ovos e fazer a chamada crepioca.
Conclusão : não existe alimento perfeito, o que existe é bom senso para desenvolver boas estratégias alimentares.

Receitinha de Crepioca:
1 ovo para 3 colheres de sopa rasas de farinha de tapioca
Cubinhos de queijo minas padrão lacfree
Tomate cereja picadinho
Sal e orégano a gosto
Bater tudo com um garfo e despejar em uma frigideira antiaderente, e deixar dourar dos 2 lados.
Fica uma delícia!! Espero que gostem 😉

26
jun
2018
Açúcar Refinado – Um verdadeiro Veneno Por Jéssica Zarro
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Beleza, Bem-Estar

O açúcar refinado passa por vários processos químicos, e esses elementos intoxicam o organismo. É pobre em nutrientes e possui alto índice calórico = calorias vazias.
Se transforma rapidamente em glicose o que leva a um pico de insulina, que já sabemos ser muito prejudicial a saúde.
O açúcar pode viciar por auxiliar na produção de dopamina, hormônio responsável pela sensação de prazer e bem estar.
Ingerir grande quantidade de açúcar, aumenta os riscos de desenvolvermos problemas cardiovasculares, diabetes, colesterol alto, obesidade, gastrite, gordura no fígado e déficit de aprendizagem por prejudicar a memorização.
As células cancerígenas tem alta afinidade pelo açúcar, chegando a digerir 200 vezes mais rápido o açúcar do que as células normais. Em 2017 pesquisadores descobriram que o consumo hiperativo do açúcar pelas células cancerígenas é um ciclo vicioso que ocorre, pois a fermentação da substância no interior das células fornece energia e desencadeia mutações fazendo com que o tumor aumente mais rápido. Por isso preconiza-se a dieta cetogênica para pacientes com diagnóstico de câncer.
Agora que você conhece todos os malefícios do açúcar refinado, que tal buscar opções mais saudáveis e reeducar o seu paladar ?!

11
jun
2018