• A Sustentabilidade no Paris Fashion Week por Paula Bedran

    Quando começam os tão esperados “fashion months”, em março e setembro, os fashionistas de plantão já se programam para acompanhar...

    Leia mais

  • Mariana e Zeco Auriemo oferecem jantar em homenagem aos fundadores da Aquazzurra

    Mariana e Zeco Auriemo ofereceram jantar (21/10) em homenagem à Edgardo Osório e Ricardo D’Almeida Figueiredo, fundadores da AQUAZZURA para...

    Leia mais

  • Galeria AB promove diálogo artístico e VIPs lotam evento

    Foi lançado neste sábado, na AB Galeria, na Barra da Tijuca, o catálogo da exposição “Inventário” de Jeane Terra. Os...

    Leia mais

  • Cenoura não engorda Por Xico Gonçalves

    Sucesso entre os legumes para quem não quer engordar a calça cenoura ou clochard, entrou no cardápio da moda verão...

    Leia mais

  • Cicero leva estilo da The Paradise à papelaria

    Nesta primavera, as flores ganham mais espaço nas capas da Cicero. Para a linha especial de cadernos Floral Hype, a...

    Leia mais

Atum Enlatado : Na água ou no óleo? Por Jéssica Zarro
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Bem-Estar

O atum enlatado é uma opção prática e versátil de consumir o peixe. O atum é classificado como fonte magra de proteínas e também é conhecido como fonte de nutrientes como ômega 3, fósforo, selênio, potássio, vitaminas B3 ,B6, B12 e D.
O atum em lata está associado a benefícios como a saúde cardiovascular e manutenção dos níveis de bom colesterol (HDL), que previne que o colesterol ruim (LDL) seja armazenado na forma de placas de gordura nas paredes dos vasos sanguíneos.
O grande problema do atum enlatado está na quantidade de mercúrio em sua composição, que é um metal que pode provocar reações adversas no sistema nervoso e na função cerebral principalmente em mulheres grávidas.
Alguns dos sintomas da exposição de longo prazo do mercúrio são : dormência, tremores, dificuldade de andar, problemas de visão e memória, convulsões e dano ao cérebro de crianças quando a ingestão ocorre durante a gestação ou aleitamento.
Quando o peixe é enlatado com água, os metais pesados contidos na lata ficam depositados nele, sendo mais prejudicial a nossa saúde.
Já quando peixe é enlatado no óleo, os metais ficarão no óleo, deixando o peixe livre desses metais pesados. Além do óleo oferecer 5 vezes mais vitamina D e uma boa concentração de ômega 3.
Logo, se você achava que estava abafando escolhendo os enlatados em água, por serem mais lights, por favor mude logo sua opção em prol da sua saúde!!!

14
set
2018