• Maternity Style por Monique Leite

    Olá futuras mamães!!! Hoje o post é todo inspiração para as gravidinhas. E agora passou um filme pela a minha cabeça… lembrei muito o quanto é difícil achar looks bacanas...

    Leia mais

  • SPFW – Meus looks! Por Lorena Campello

    Como todos sabem, semana de moda é a hora de ousar e caprichar nos looks! Não sou adepta em usar peças que não se enquadrem no perfil do meu dia...

    Leia mais

  • Jacques Janine inaugura no BarraShopping

    Os empresários Eduardo Vaz e Geraldo Monge receberam mais de 300 convidados para a inauguração do novo Jacques Janine no BarraShopping. O coquetel do luxuoso salão concept engarrafou a nova...

    Leia mais

  • Antônio Bernardo lança Coleção Meninas AB

    Antonio Bernardo lançou a coleção “Meninas AB ” no ultimo dia 5 de setembro no Village Mall. O designer atento as múltiplas formas não somente dos jovens declarar seu amor...

    Leia mais

  • OS CÓDIGOS VISUAIS DE UM GUARDA-ROUPA PROFISSIONAL By Juliana Heide e Jéssica Garducci

    No ambiente de trabalho, o nível de formalidade depende não só da empresa e da respectiva política de vestuário, como também da área de atuação do profissional. Os níveis de...

    Leia mais

Maternity Style por Monique Leite
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Destaques, Novidades

Olá futuras mamães!!!

Hoje o post é todo inspiração para as gravidinhas.
E agora passou um filme pela a minha cabeça… lembrei muito o quanto é difícil achar looks bacanas e moderninhos para gestantes. Na gravidez dos gêmeos ousei bastante e me permiti usar calças jeans até o final da gestação. Agora, estou grávida de novo, de 1 bebê e já venho pensando em novas propostas para me sentir a grávida mais especial do mundo.
Todas as aspirantes a grávidas se fazem a mesma pergunta: “Será que serei uma grávida linda?” Rola uma insegurança sim nessa fase. Temos medo de engordar demais, termos estrias, muitas celulites , varizes. Nossos hormônios ficam alterados e muitas vezes nos sentimos pra baixo sem motivo, nervosas. Mas isso é normal, viu?
Todas as grávidas são lindas pq não existe nada mais perfeito no mundo do que gerar uma vida, ver a barriga crescer. É uma beleza que transcende
Bem, na gravidez dos meus gêmeos, quase não engordei. Foram no total 11 kg. E se vcs me perguntarem se fiz alguma dieta, direi que comi de forma consciente. Cortei frituras e excessos. Os meninos nasceram de 38 semanas com 3,300kg cada. Foram 2 bebezões lindos e saudáveis e eu fiz uma barriga equivalente a 46 semanas. Surreal, né?
Vejam só:

O cuidado da mulher na gravidez deve ser ainda maior. É preciso, mesmo com todo o peso da barriga, nos olharmos no espelho e vermos o quanto é bom perdemos nossa cintura. A causa é muito nobre.
Vejam agora algumas inspirações de looks que valorizam a barriga:
Peças justas marcam a barriga e nos dá a sensação de que quase não engordamos.
Percebi que quanto mais largo o vestido mas nos sentimos enormes. Eu sempre opto por peças justas, porém comportadas. Vestidos são sempre ótimas pedidas.

Veja como um vestido mais largo muda a percepção… Parece que estamos maiores.

Calças jeans e jardineiras deixam as grávidas mais moderninhas. Escolha sempre as calças próprias para maternidade que possuem elástico na cintura. Na gravidez dos gêmeos comprei uma na Zara e usei até o final da gravidez. Nunca mais vi vendendo lá, uma pena. Mas vc pode encontrar na Renner e em lojas especializadas em gestantes.

Adoro camisa xadrez, basiquinha, jeans e tênis. Mais descolada, impossível.

Jardineiras, Amoooo!

Longos florais esvoaçantes:


Looks praianos:



Gostaram? Grávidas podem ser ser estilosas e ainda mais lindas do que nunca. Sinta-se feliz por ter a chance de gerar uma vida e ficar ainda mais feminina e delicada.
Dúvidas, é só deixar nos comentários.
Xoxo,
Monique Leite

23
set
2017
Colesterol por Jessica Zarro
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Novidades

Por muito tempo se achou que o colesterol era um vilão, porém ele é essencial para a vida.
Sem colesterol não haveria células , músculos, ossos, função cerebral e nem hormônios.
O corpo produz colesterol por si só mas também o obtém da alimentação, principalmente dos alimentos de origem animal.
O órgão responsável pela produção de colesterol é o fígado, que produz 75 % das nossas necessidades diárias, enquanto que os outros 25 % vem da alimentação.
O nosso organismo é capaz de regular a quantidade de colesterol, logo quando ingerimos mais colesterol nos alimentos o corpo produz menos. Por isso o colesterol da dieta de origem animal, praticamente não altera os níveis de colesterol do sangue. Mas hoje já é sabido que o alto consumo de carboidratos refinados pode aumentar sim os níveis de colesterol sanguíneo, sendo esse hábito prejudicial a saúde.
O colesterol não se dissolve na corrente sanguínea, ele é transportado por ela pelas lipoproteínas que são a LDL ( de baixa densidade) e HDL ( de alta densidade). São elas que aparecem no nosso exame de sangue e conhecidas respectivamente como a fração ruim e a fração boa. Sendo melhores interpretadas pelo seu médico!!
O importante a saber que não é saudável ter um colesterol muito alto, mas é menos saudável ainda tê-lo muito baixo. E esse é mais um motivo para nos incentivar a termos uma alimentação balanceada, associada sempre a exercícios físicos.

21
set
2017
SPFW – Meus looks! Por Lorena Campello
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Destaques, Mídia, Novidades

Como todos sabem, semana de moda é a hora de ousar e caprichar nos looks! Não sou adepta em usar peças que não se enquadrem no perfil do meu dia a dia, mas talvez me arriscar em composições com toque um pouco mais fashionista e com tendências.

Nessa edição acompanhei dois dias de desfiles. Para o primeiro deles me joguei na cor do momento – o rosa Millennial, que virou tendência absoluta nessa temporada e é também uma das minhas favoritas! Acho que combina com meu tom de pele e do meu cabelo.

Para sair do óbvio investi no tom dos pés à cabeça em uma produção monocromática. Aí está a pegada fashionista como mencionei anteriormente. Talvez se fosse usar no meu cotidiano optaria por apenas uma das peças. A renda do vestido aparecendo deu um ar romântico, e o salto grosso fez um contraponto a esse estilo.




Para o dia seguinte investi em uma tendência que veio muito forte no inverno, e tenho certeza que continuará fazendo sucesso no próximo, basta observar as semanas de moda internacionais, onde as fashionista do hemisfério norte estão usando e abusando dela – estou falando do vinil!

A camisa em seda e de mangas flare deu suavidade a pegada rocker da saia, deixando a produção harmônica e menos caricata.


Espero que tenham curtido as produções e até a próxima semana de moda!

XoXo,
Lorena Campello

21
set
2017