• Inauguração do Empório CR agita a noite de sexta na Barra da Tijuca

    O Empório CR, misto de delicatessen, pâtisserie, café e mercado, abriu oficialmente na noite de ontem, na Barra da Tijuca, com lista de convidados vips assinada por Nina Kauffmann. O...

    Leia mais

  • VIP TOUR Disney por Monique Leite

    Oi gente, tudo bem? Desde que voltei da Disney, muitas pessoas me perguntam sobre o serviço VIP para os parques. E como promessa é dívida, cá estou para contar tudinho...

    Leia mais

  • Beleza ao alcance de um click Por Renata Schiavo

    Um aplicativo promete ser uma verdadeira fada madrinha da beleza, o Make You. Esta plataforma digital promete resolver nossos problemas de beleza com o click no app, maquiador e cabelereiro...

    Leia mais

  • Takashi Murakami no Museu de Arte Contemporanea de Chicago.

    O artista plástico e super star japones Takashi Murakami , está no MCA com a exposição ” The Octopus Eats Its Own Leg”. Artista consagrado tanto na pintura, escultura como...

    Leia mais

  • Como trazer modernidade para seu visual por Juliana Heide e Jessica Garducci

    Nós mulheres amamos nos sentir poderosas e boa parte desse sentimento vem da maneira que estamos vestidas e como nossa roupa nos faz sentir. Cada uma, ao longo do tempo,...

    Leia mais

Zermatt – Lugar Inesquecível para Curtir Frio e Esquiar
Postado por Nina Kauffmann - Categorias: Destaques, Novidades, Viagem

Das atrações culturais e vida noturna do centro da cidade à adrenalina e exuberância dos passeios às montanhas.Zermatt é dos destinos mais encantadores do planeta. Com o Matterhorn visível em todo canto e rodeada pelas montanhas mais altas dos Alpes, é impossível não se encantar por tal cenário natural. Aos pés das mais altas montanhas dos Alpes – Matterhorn, Weisshorn, Monte Rosa, não adianta: uma única visita nunca é suficiente para explorar todas suas atrações e belezas naturais.A preocupação com a ecologia me chamou muito a atenção, na cidade circulam apenas carros elétricos. Deixamos nosso carro em Tasch e de lá fomos levados até o transfer elétrico que nos conduziu ao hotel . Você pode chegar lá de trem também.

image

Nos arredores, a excursão ao Gornergrat é um must. A própria viagem em trem de cremalheira até lá é um desfile de paisagens alpinas perfeitas. Do alto, você tem no seu horizonte nada menos que 29 picos de cerca de 4 mil metro de altitude – e o Matterhorn bem à sua frente, inteirinho. O passeio em gôndolas ao mirante do Matterhorn Glacier Paradise, com direito a vista perfeita para as montanhas e glaciares da região e um museu de gelo construído 20m abaixo do glaciar, também. Eu faço esqui desde 1994 e já estive em várias estações e esta me chamou muito a atenção pela qualidade das pistas, largura e distância. Você consegue fazer um bom desenvolvimento de esqui nas pistas, a organização nos Lifts também são perfeitas. Aluguei meu equipamento bem em frente ao metrô que me levou até a base principal , de lá outras gôndolas e Lifts me direcionou para as pistas que eu desejava. Sempre leve mapa .Para os iniciantes sugiro acertar aulas no Centro de Esqui e ir para pista verde que fica na base da montanha. Outra ideia bacana é escolher restaurantes entre as pistas para almoçar e tomar um AperolSpritz. Amei o restaurante Chez Vrony, lá se chega apenas esquiando.

image

image

image

Na vila, é imperdível visitar o Museu que conta a história da primeira conquista do Matterhorn, assim como o adorável bairro de casas antigas de madeira, ainda incrivelmente conservadas.

Ao cair da tarde, não dá pra escapar da happy hour nos lindos lounges dos hotéis ou do après-ski depois de descer as impecáveis pistas de Zermatt – o do hotel Cervo é imperdível. Mais tarde, é a região conhecida como Triângulo das Bermudas, bem no centrinho (onde ficam o pub Gee´s e o Hotel Post), que reúne moradores e visitantes para boa música e agitos que podem ir até as primeiras horas da manhã.image

image

image

28
fev
2016
Neutros e tons terrosos
Postado por Patrícia Esteves - Categorias: Destaques, Moda, Novidades

Algumas tendências da New York Fashion Week já estão pipocando por aí, uma delas é a mistura de tons neutros e terrosos em looks minimalistas. Saias, vestidos, jaquetas e calças incorporam a paleta de cores que traz suavidade e modernidade.

Grifes como Michael Kors, Market 33 e Ralph Lauren trabalharam com as cores neutras, ressaltando a elegância e beleza da mulher. O rapper Kanye West também abusou da tendência em sua coleção em parceria com a Adida Originals, a Yeezy Season 2. O desfile trouxe tons neutros e terrosos de forma conceitual e ousada.

Seguem nossas ideias de look:

neutros1

neutros2

neutros3

neutros4

neutros5

neutros6

neutros7

25
fev
2016
Linda Borgonha
Postado por Aline Mendonça - Categorias: Destaques, Gastronomia, Viagem

Há dez dias tive o prazer de receber Nina Kauffmann e amigos, fizemos a rota dos vinhos, unindo também a gastronomia e o patrimonio da região, nosso dia começou em Meursault, foi lá nosso encontro no hotel em que ela estava hospedada no meio de um vilarejo vitícola, nada mais que a capital dos vinhos brancos da Borgonha. Foi nosso ponto de partida a aventura estava só começando, de la seguimos para a Côte de Nuits local conhecido e renomado pelos seus grandes vinhos tintos, durante o caminho, eu fui explicando mais sobre o vinho e a história da região, enquanto percorríamos as estradinhas no meio dos parreirais.

borgonha1

borgonha5

Paramos nos Clos de Vougeot, ah ! o Clos de Vougeot, marco incial dos vinhos da Borgonha, terra do Pinot Noir, de lá saem os grands crus mais prestigiosos e renomados da região, ao lado do parreiral vemos uma bela construção renascentista, mas a parte interna é medieval, vejam que charme a Nina e o castelo.
Seguimos, pelas estradinhas pitorescas, e fomos até o vilarejinho de Vosne Romanée, onde passamos em frente da tão estimada Romani Conti, digo que passamos em frente ? Porque eles não abrem para degustação, mas ainda assim o local é lindo e inspirador…..

borgonha4

borgonha3

Passamos por Nuits Saint Georges, que está situado entre Beaune e Dijon, local gostoso principalmente para flanar e apreciar as ruelas coloridas acompanhadas de um bom chardonnay ou pinot noir.
Como uma « imagem vale por mil palavras » ou melhor « uma degustação vale por uma explicação » fomos colocar em prática e degustar vinhos tintos e brancos, incluindo grand cru, em um castelo que data do século 18, com suas magníficas telhas coloridas, que na época significava « aqui tem vinho ».

borgonha2

Como a Borgonha é a terra da gastronomia, há muito vinho, muito queijo, trufa, não podia faltar uma degustação de chocolate em uma pequena fabriquinha artesanal, no meio da rota dos vinhos.
E assim foi nosso dia……cheio de sabores e emoções

——————————————————————————————————————-
Conheça mais da Aline no seu canal do YouTube:

24
fev
2016
1 2 3 6